terça-feira, 21 de agosto de 2018

15 alimentos que ajudam a acelerar a recuperação muscular


Dieta e treino devem andar juntos se você busca saúde, bom desempenho no esporte e um corpo forte. No entanto, é preciso apostar nos alimentos certos para ser bem-sucedido e acelerar a recuperação muscular. “Os exercícios físicos promovem o desgaste e causam microlesões nos músculos, que precisam ser reparados para o corpo ficar saudável para uma nova atividade. Além disso, é necessário repor a energia que foi usada no treino para que o organismo funcione plenamente”, explica o nutricionista e fisiologista do exercício Wellington Pinheiro, que atende nas cidades de São Caetano e Santo André (SP).
Pinheiro esclarece que, essencialmente, é preciso consumir proteína para reparar a musculatura. O carboidrato também é importante para repor glicogênio — reserva de energia dos músculos que é consumida durante os treinos. Dessa maneira, evita-se que o corpo entre em catabolismo e utilize o próprio músculo como energia, levando à perda de massa magra.
“O ideal é consumir um carboidrato de absorção moderada com a proteína depois do treino, como macarrão integral, arroz integral, pão integral e frutas para garantir energia para as próximas atividades do dia. No entanto, cada pessoa responde de uma maneira; por isso é interessante a avaliação de um nutricionista”, orienta.
Mas não é só de proteína e de carboidrato que o corpo precisa para se recompor. Segundo Pinheiro, nutrientes como selênio e ômega-3 e outros antioxidantes são igualmente essenciais para que a recuperação pós-treino seja completa: “Os exercícios que geram alto desgaste acabam liberando muitos radicais livres, que levam ao envelhecimento de tecido e células. Para bloquear esse efeito, é interessante consumir antioxidantes, como as vitamina C e E.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário